segunda-feira, maio 14, 2007

Ainda resta uma esperança



Ainda resta uma esperança para vencer qualquer dificuldade,
ainda que a dor tenha tomado conta da minha vida,
ainda que o meu coração tenha se ferido,
ainda que a minha vida tenha sido arruinada,
ainda que todos os amigos se foram,
que todos tenham me abandonado,
que tudo sejá contrário,
ainda assim, resta uma esperança, uma luz que brilha,
como uma lanterna que aponta um caminho, uma direção,
essa esperança está aqui dentro, foi construída através das dores vividas,
das experiências que eu passei e não houve jeito de evitar,
das conquistas e das derrotas que vivi,
das certezas e dos enganos,
das alegrias e das tristezas,
do riso e do choro,
da verdade e de quantas mentiras,
hoje sou mais forte, minhas mãos já não são tão finas,
meus pés já percorreram muitos caminhos,
e alguns caminhos eu já sei que devo evitar.
Essa bagagem, essas experiências vividas,
tudo que eu passei até aqui, são o meu maior tesouro,
antes eu reclamava, hoje agradeço,
antes eu só chorava, hoje agradeço,
antes eu me lamentava, hoje eu agradeço,
antes eu me culpava, hoje eu me perdoo,
e, ainda resta a maior esperança: ser feliz é possível,
para aqueles que como eu, vivem a vida sem medo de errar.

(Paulo Roberto Gaefke)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...