quarta-feira, outubro 03, 2007

Novo desempregado: o Gerúndio

O decreto de "demissão" do gerúndio, assinado pelo governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM), recebeu críticas de especialistas em língua portuguesa ouvidos pelo G1.



A principal alegação é que o governador não pode controlar o uso do português. Além disso, teria feito uma confusão ao "demitir" o gerúndio, e não o gerundismo, vício de linguagem que invadiu o serviço público e o telemarketing.

Publicado na última segunda-feira (1º) no Diário Oficial, o decreto proíbe o uso do "gerúndio" como desculpa para a ineficiência na administração pública. "Fica demitido o gerúndio de todos os órgãos do Governo do Distrito Federal", diz o texto do decreto.


Assessores do governador Arruda, que está em Nova YorK em viagem oficial, explicam que a intenção é acabar com os casos de gerundismo, como "vou estar providenciando" ou "nós estaremos ligando".



eles não devem ter mais nado o que fazer né?!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...